31 março, 2015

Comidas que ajudam a emagrecer

Esses alimentos sozinhos não emagrecem, mas aliados a uma alimentação saudável e prática de exercícios, com certeza, ajudam a turbinar seu emagrecimento:

Chá Verde
Alguns estudos preliminares apontam que umas das catequinas mais presentes no chá verde, a epigalocatequina galato (EGCG), estimula diversas enzimas que controlam o metabolismo das gorduras, inclusive incentivando a quebra delas. Isso faz com que elas sejam mais bem usadas pelo nosso organismo, não ficando apenas paradas no tecido adiposo. 
Além de promover o emagrecimento, as pessoas que tomam o chá verde obtém uma melhor composição adiposa no organismo, o que reduz as chances de diversas doenças aparecem, como diabetes e hipertensão. 
Porém, são necessários mais estudos que comprovem mesmo essa ação.

Linhaça
Rica em fibras, proteínas e ômega 3, ajudam a acelerar o metabolismo e a absorver as gorduras do organismo. Ajuda no funcionamento do intestino e evita a retenção de líquidos. Deve ser moída para surtir efeitos e pode ser consumida em vitaminas, na salada etc...

Banana
Rica em triptofano, um aminoácido que ajuda a combater a ansiedade e a compulsão por comidas, a banana também tem vitamina B6, que ajuda na absorção da gordura e  Vitamina A, Vitamina C, vitamina B, Ferro, Magnésio, Potássio, Manganês, Zinco e Fluoreto. 

Possui também fibras solúveis que facilita o processo digestivo.
Consequentemente por ser rica em fibras, mantém a pessoa saciada, o que auxilia em dietas. 
Estas fibras dietéticas ajudam na evacuação eficiente e por isso, problemas intestinais e constipação podem ser facilmente evitadas com o consumo da banana. 

Abacaxi
O abacaxi tem grande quantidade de vitamina C, além de B1, B2, B3, B6, B9 e E. Também contém minerais como o potássio, magnésio, iodo, cobre e manganês.

Outros componentes são os ácidos cítrico, málico, oxálico e uma enzima conhecida como bromelina.

É rico em fibras e não apresenta gorduras e nem proteínas, o que o torna benéfico para dietas. Oferece apenas 50 calorias para cada 10 gramas, ainda que em calda essa quantidade possa aumentar ligeiramente.
Assim como a banana, suas fibras solúveis auxiliam na digestão.

Aveia
Rica em fibras, a aveia é um item obrigatório de quem pretende conservar os níveis de açúcar no sangue sob controle. Isso mesmo, o cereal ajuda a evitar a sobrecarga de glicose e de insulina, o hormônio que leva os compostos açucarados para dentro das células. As fibras permitem que a glicose seja absorvida de maneira lenta e gradual, o que, por sua vez, regulariza a liberação de insulina.
Não é a toa que o cereal já é um forte aliado para quem sofre de Diabetes tipo 2, uma vez que suas fibras diminuem os picos de glicemia. Como ela prolonga o efeito de saciedade, o organismo entende que não mais precisa liberar glicose, o que ocorreria caso a pessoa ainda não se sentisse plenamente saciada, ou seja, com fome.
O excesso de insulina também favorece o depósito de gordura corporal. Uma porção de mamão ou banana salpicada de aveia pela manhã vai impedir que a fome chegue rápido e, o principal, que o indivíduo se exceda no almoço.

Atenção: O ideal é se consultar com uma nutricionista que vai elaborar um cardápio personalizado ao seu estilo de vida.

Fonte: oceventos
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...