Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

17 janeiro, 2014

IMPACTO DA COMUNICAÇÃO

IMPACTO DA COMUNICAÇÃO
Possíveis interferências (positivas e negativas) nas relações sociais diversas, a partir das relações nas redes sociais

INTRODUÇÃO
Em vias de estagnação sociocultural, emerge um fenômeno global, a mídia social. Sempre em busca de novos conceitos e amplitude social, o homem rebusca na selvageria do mundo moderno, novos pilares para manter seu egocentrismo. A necessidade de desafiar a si mesmo, e busca de coisas cada vez melhores e mais sofisticadas, deixa o homem perdido em meio aos novos padrões que invadem a sociedade como um trem. A globalização reestrutura o âmbito mundial de modo nunca visto antes, tendo repercussão nas áreas da economia, politica e sociedade. Com a disseminação deste ideal contemporâneo, a fragilidade da personalidade se vê instigada a superar suas próprias barreiras, sendo resultante em padrões atribuídos a indivíduos interculturais.

O MUNDO GLOBALIZADO
Definição:“É um conjunto de transformações na ordem política e econômica mundial que vem acontecendo nas últimas décadas. É um dos processos de aprofundamento da integração econômica, social, cultural e política.”

No cenário mundial, a globalização tem se mostrado a principal problemática às classes mais pobres. Também é responsável pelos altos indicies de desigualdade, decorridos do modelo econômico do mundo globalizado.Segundo Theodore Levitt, o termo globalização pode ser utilizado para indicar a difusão mundial das trocas e do consumo, e a união dos mercados.

Com o avanço tecnológico, a difusão mercantil teve como reação a invasão do comércio nas redes. Essas interações tecnológicas impulsionam a economia e criam novos modelos de comercialização. Deste modo, os mercados virtuais funcionam vinte e quatro horas por dia, facilitando a compra do cliente, e os proprietários por sua vez, tem a vantagem de não pagar taxas em cima dos produtos oferecidos e as despesas de uma loja física. Devido a isto, a criação de uma economia cibernética torna-se mundialmente poderosa.

Com o decorrer dos séculos, o parâmetro de riqueza está associado a diferentes domínios. Atualmente, o poder econômico é mensurado através do dinheiro virtual que você possui, ou seja, o dinheiro contido em bancos, ações, aplicações etc. Todos estes trabalham em função da cibereconomia, e os investimentos de risco por sua vez, são à base do capital especulativo (conhecido por sofrer variações abruptas em poucas horas) que é muito temido, pois exerce uma “tirania financeira”.

MÍDIAS SOCIAIS
Definição:“A mídia é uma expressão usada para designar os principais veículos de um determinado sistema de comunicação social.”

Com relação aos parâmetros teóricos da globalização, as redes sociais são responsáveis por definir os atuais padrões socioculturais, em decorrência de estarem inseridas no âmbito mundial. Apesar de serem vistas por alguns como perda de tempo, as redes sociais englobam uma porcentagem cada vez maior da população, com intuito de ampliar seu meio social, e também, facilitar a comunicação e diversificar os modos de interação. Visto por este ângulo, poderíamos dizer que estamos todos sendo manipulados por uma grande teia sistemática, tal que, a principal base de uma sociedade é a criação de laços entre os membros que fazem parte da mesma e as redes sociais influenciam significativamente no cotidiano dos indivíduos, muitas vezes, nos fazem descobrir interesses em comum com pessoas que não têm muita aproximação com você habitualmente. Então, seria essa uma solução para a dificuldade na comunicação social? Ou uma má influencia para os seres humanos acovardarem-se diante dos grupos sociais? E ainda, aqueles sem mente formada desenvolverem insegurança fisicamente e virtualmente, criarem um alter-ego imaginário, fazendo-os afastarem-se da realidade? São tantos questionamentos acerca deste tema, que a globalização nas mídias sociais de certo modo, pode ser vista como algo subjetivo para as massas culturais.Entre os principais formatos de mídia, podemos encontrar vários tipos de veiculações de informações, tendo em vista o alcance de diversas faixas etárias. Com utilização de linguagem simples, rápida e objetiva, as páginas de noticias no Facebook detêm milhares de seguidores, chegando a atingir públicos de outros países. Outro exemplo é o jornal, formato de mídia criado à um tempo considerável na sociedade. Este busca embasar seus conhecimentos em cada vez mais hipóteses que tornem a matéria mais completa, utiliza linguagem formal e têm alvo nas adultos.

E-COMMERCE
Com relação aos comércios online, vários receios começam a surgir. Em uma sociedade em que os padrões de riqueza são mensurados de acordo com o volume de capital que você consegue devolver, ou seja, dinheiro chama pessoas interesseiras e que não acrescentam em nada na tua vida. Com propostas de inovação e objetivo de reduzir os custos na compra do cliente final, as empresas desenvolveram um novo sistema para aquecer a economia e movimentar a compra e venda com mais agilidade. Com isso, os sites de compra coletiva, permitem os consumidores de adquirir mercadorias e serviços junto a um grande grupo, com descontos maiores em comparação das compras individuais.
A comodidade é o que rege a nova era do comercio. Em meio à falta de disponibilidade de tempo e da necessidade do mundo capitalista de obter cada vez mais lucro, o sistema capitalista impõe que o individuo viva em função do trabalho e gere cada vez mais dinheiro. Diferentemente dos centros comerciais físicos, as lojas virtuais proporcionam facilidade e rapidez aos compradores, contudo, não há mais aquela “magia” na escolha, visto que, você com apenas um clique uma brasileira compra uma roupa vinda de New York, sem custos de passagem, hospedagem e tempo.

SOCIEDADE
No estudo das ciências sociais, novos parâmetros estão sendo utilizados como fontes de pesquisa. Como fator “X”, pode ser destacado o estudo da sociedade global. Nesta, está compreendido o conceito da sociedade nacional. Entretanto, há uma diferença que faz com que todos os métodos adotados pelas ciências sociais sejam reanalisados para o mundo atual. Esta diferença é muito conhecida como globalização. O que difere das populações mais antigas é o fato de que nos primórdios da humanidade não havia muita interação entre os povos, oposto do que acontece nos dias de hoje. O estudo das agregações sociais eram feitos a partir de seus padrões singulares e suas peculiaridades de acordo com a região onde estavam localizados. Entretanto, os pesquisadores atualmente analisam as sociedades por parâmetros comparativos, fazendo relações interpessoais. Esta necessidade surgiu no momento em que a influencia toma conta de culturas já existentes, este é o resultado da globalização. Os meios sociais mais influentes tomam o “domínio” da situação, induzindo os demais povos há seguirem seus modelos estruturais, ou buscam oprimir as outras culturas ou modelos sociais. Com isso, a população evoluída é vista inserida em um único sistema social.O avanço da mídia social tem direta relação com a educação e influencia cultural na nova geração. E como escapar desse controle? O que muitos ainda não tem discernimento para compreender, está mais do que na cara da sociedade. Somos vítimas de manipulação por parte das mídias, em tudo que realizamos, desde a escolha do tapete até o medicamento prescrito. Com as redes sociais, esse sistema tornou-se cada vez mais bem elaborado e desenvolvido. Agora, o pensamento critico está cada vez mais difícil de encontrar nos “fantoches” moldados pelos processos de massificação.

TEIA CULTURAL
Com as mais variadas formas de cultura, a população influi diretamente nas características e convívios sociais e novos parâmetros de desenvolvimento sociocultural. As grandes gerações influenciam nos modelos a serem seguidos pelos demais grupos populacionais. As ramificações obedecem diretamente aos moldes sociais já implantados em outros territórios e que obtiveram saldos positivos. Sobretudo, a perda da identidade nacional de um país ou determinado grupo inserido nisto, é preocupante, tal que, as características de cada nação é única, pois, o passado nunca será o mesmo e as defasagens em determinados setores não são categóricos para todos. Com caráter duvidoso, o sensacionalismo exacerbado da imprensa torna o meio politico sujo. Com falta de ética e respeito aos cidadãos, a mídia não mede esforços para privilegiar partidos que injetem e prometam benefícios. E assim, a politica do país fica desmoralizada diante da população.

CONCLUSÃO
A identidade está em foco nas mídias sociais. O que muitos não levam em consideração ao falar sobre mídia é a caracterização e nossas identidades expostas da maneira mais sincera, até onde se tem conhecimento, ao mundo. E ainda, a busca por novos atribuintesà ela. Se colocarmos um paradigma social para estudar o mundo e suas relações sociais, vamos perceber que com o avanço das mídias, as pessoas têm sentido uma necessidade cada vez maior de ser “parte de algo”. Hoje em dia, não é só a aparência física que nos define... A realidade se mostra de uma forma totalmente nova e por um ângulo até certo ponto, inovador. Os processos tecnológicos descritos no desenvolvimento resultaram para os indivíduos como parte de uma personalidade, capaz de ser descrita e alterada ao passo que, você tem algo novo a acrescentar acerca do seu modo de pensar. Nos dias de hoje, a aproximação de comunidades mundiais trouxe novas tendências e influencias as culturas locais, deixando como encargo pessoal, você conhecer o mundo em um clique! E ainda, conversar e compartilhar interesses com pessoas que você nunca pensou que poderia conhecer, tudo isso sem sair de casa. Com esta “lacuna” aberta tornando a compreensão humana tornou-se subjetiva, as pessoas estão desenvolvendo uma capacidade muito maior na interação com seu corpo e sua mente. Visto isso, limitar as fronteiras culturais se tornou “coisa do passado” para o homem moderno. Tal que, as barreiras geográficas e sociais não detêm mas o avanço da sociedade global.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

GEOGRAFIA GERAL - 5ª- Lygia Terra e Marcos Amorim Coelho
GEOGRAFIA DO BRASIL, espaço natural territorial e socioeconômico brasileiro - Lygia Terra, Marcos de Amorim Coelho
GEOGRAFIA ENSINO MÉDIO VOL. ÚNICO -João Carlos Moreira e Eustáquio de Sene.
TERRITÓRIO E SOCIEDADE NO MUNDO GLOBALIZADO: Geografia Geral e do Brasil - Lucci, Elian.
GEOGRAFIA GERAL: O espaço natural e socioeconômico - Marcos de Amorim Coelho.
http://www.domtotal.com/colunas/detalhes.php?artId=1267
http://www.frigoletto.com.br/GeoEcon/Global/poder.htm
http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0103-40141994000200009&script=sci_arttext
http://www.sitedaescola.com/downloads/portal_aluno/Maio/Redes%20sociais%20na%20internet-%20desafios%20%E0%20pesquisa.pdf
http://h30458.www3.hp.com/br/ptb/smb/941786.html
http://www.slideshare.net/dalialopes/redes-sociais-4432337
http://ogestor.eti.br/o-que-sao-redes-sociais/
http://www.natanaeloliveira.com.br/o-que-sao-as-redes-sociais-na-internet/
http://pt.scribd.com/doc/50555893/Os-efeitos-da-globalizacao
http://expansao.sapo.ao/home/opiniao/manuel_alves_da_rocha/os_efeitos_da_globalizacao_economica


Seguidores